O PenDrive, embora pareça e, frequentemente, seja usado como, não é, decididamente, um chaveiro.

A sua garantia nem sempre é equivalente à aquela dos demais equipamentos eletrônicos – 6 meses apenas – ele tem um nível de fragilidade tal que se não forem tomados certos cuidados, pode deixá-lo na mão, impedindo o acesso a seus arquivos, ou parando de funcionar.

Em um chaveiro, ou como um chaveiro, ele vai ser tratado como tal e não vai resistir a situações como pancadas, queda, umidade ou coisas do gênero.

Embora, em principio, seja possível recuperar um pen drive “queimado” o mesmo nem sempre ocorre com os dados contidos nele, pois os programas que prometem fazer isso, começam por formata-lo.

Continue lendo…