Quiseras

Queria ver você  enroscada em mim pra cima e pra baixo como um novelo

Tenho que dizer as coisas  como as sinto

Dê um passo à frente e dê um passo atrás

Se é bom ter a vida pela frente não é mau tê-la pelas costas

Estar em casa é melhor que tudo

Embriagado não resolve mas melhora

Que bom que você não venha nunca mais

Não quero te ver todo dia é só de vez em quando

Quando não somos nós  são elas as atrevidas

O negócio é negociar

A ousadia é um dos  traços de qualquer arte no mundo

A arte é como uma febre que alerta para a saúde da comunidade

Ilustre é quem lustra o lustre

Eu teria sido o que não fui se não fosse o que sou

Agora só falta comer o galeto

Não sei se foi o que falei ou o que ouvi

Posso ser gentil mas não sou

Nada é melhor que o delírio

Você me fez revelações tão sedutoras

É tão bom cagar de manhã

O que entra tem que sair

É chulo é vil o céu de anil?!

Cada pé não anda sozinho

É um dos dois talentos das meninas

É preciso abolir as dificuldades

A violência sai mais caro a quem está na base

Se eu for vista com você vão achar que você está me comendo. E não estou?

Já percebi nunca perguntei jamais conferi

Ela  quer que eu seja como ela quer

Banana é tão bom

O melhor sistema é o de casa na mesa e na cama

Desse jeito vou acabar parecendo um velho tarado

Não sei o que aprendi

Você nunca me viu bêbado e chapado. Por que? Vai querer me comer?

Você não inspira amor

Não te direi o que pensei que diria

O teu olhar de desejo intenso me provoca

Espera a lógica do universo tudo proverá

Mais vai o que menos vem

Comments are closed.