Vagas

Nada é tão simples

A televisão é uma espécie de puteiro consentido

Será que o joio não serve de adubo?

Temos que estar juntos na denúncia das misérias

Muito carro é sinal de pouco trânsito

Não sei se porque é meu penúltimo antes da aposentadoria compulsória mas ainda não consegui dar uma aula este semestre

A mulher do saci é a que sacia o saci

Quando tanto se tergiversa o que se disse é porque não se comunica com a massa

Como coibir os danos causados a outrem

Nem sempre dou conta do que quero

Nem sempre quero o que dou conta

Fatiar a vida não ajuda a entendê-la

Não percam seu tempo sou o rei da autocrítica

Se formos contra tudo e todos estaremos aí nos incluindo?

Ainda hei de ver mostras abertas de nossos filmes sem seleção nem premiação premiado será o público livre para ver e curtir o que quiser

Onde mora a esperança de ser melhor do que se é

Aí eu me esqueci que hoje é feriado

Tem coisas que dá pena de usar

A minha grama é mais verde que a dos outros

Não sou garoto de programa

Cuidado com o negrismo

Há perguntas com uma só resposta: é, é e é

O filme é bom quando você sai querendo ser ele

Basta ser contemporâneo

A briga boa é a que ninguém perde e ninguém ganha

O que eu não penso não me atrapalha

Reencontrar é tão bom quanto encontrar

Quem faz o que nunca fez geralmente não acerta

Ressaca e fome

Há coisas que deus bota na frente pra gente tropeçar

Renuncio a tudo que não seja eu

As pessoas que desejam o par do amigo na verdade o que querem é comer o amigo

O vento só carrega o que botamos na sua frente

O Centro tinha tudo para ser a plataforma do audiovisual de Niterói vai virar um peão no jogo internacional

Declaro o meu enfado com o jogo das conveniências políticas

Não há quem me tire o bastão do cinema cultural neste país

Sou um soldado militante da rebeldia da arte e do pensamento contra o estado

Sem contemporização é preciso destruir o estado

Que ninguém me ouça

E eu que fale menos.

Comments are closed.