Melenas

Este é o melhor rincão do mundo só que pelo visto seremos os últimos a descobri-lo
Se não enxerga o que está perto imagina o que está longe
Até quando o imperialismo ianque continuará passando por cima de nossos cadáveres
Todo poder é autoritário
Acha que pode mais que os outros e pode
Todo poder emana do povo e em seu nome é exercido até contra o próprio povo?
Ir pra urna é melhor que ir pra rua
Senão morre gente
Papinho é bom e papinha também
Quem merece não pede
Parece que o capitalismo no Brasil está a caminho de sua primeira crise endógena
O que pode ser uma condição pré-revolucionária
Sonho nunca é o possível
Quem não gostar de bla bla bla não deve deixar a mosca entrar
A mosca entrou e subiu pra cabeça
É preciso viver porque a vida vale a pena
O difícil é lidar com o voluntarismo de direita nos tempos atuais
Eu te evito e tu me evitas e é melhor assim
Ela só precisa de algo que a conforte
Multidão é sinal de desastre
Muitos dão e poucos recebem
Essa bala eu como até o caroço
O oportunismo é a cova da democracia
Malhando onde não se sabe não se chega onde se quer
A soja é suja
Se cada um cuidasse do seu a vida seria uma maravilha
Sei falar a língua de toda a gente desde a dama ao rufião
Não aborrecerei a dama
Vem um e me ataca da direita vem outro e ataca pela esquerda espremido ultrapasso tais problemas
Toda geração tem uma identidade de propósitos mas nem sempre a mesma estratégia se alguma
A minha não teve e não tem
Simplesmente resiste e resistiu a ser varrida do mapa
Estamos muitos aí dispersos mas sobreviventes
Se não atrapalhar a vida se reinventa sozinha
É complexo
Seria ótimo se a vida fosse fácil mas não é
Tá cheio de criança birrenta
Você diz que não vá por aí porque já fomos
É por aí mesmo que querem ir
Fazer o quê?

Comments are closed.