Dissabores

E despejam sobre nós o cúmulo de suas experiências
Como a barbaridade jurídica de um Pedro Aleixo ao proclamar o golpe de 64 como uma”contra-revolução de caráter preventivo”
E em nossos dias o “domínio do fato”que o Supremo entubou
Adoro cuidar de casa sem excessos como faxina
Não sou exemplo a não ser pelo fato de ser um cidadão comum
De quase perfeito fui promovido a melhor padrasto do mundo
Não preciso de poder preciso de potência
A esta altura da evolução humana é perfeitamente possível garantir 4 boas refeições a cada habitante do planeta
Se dá flores imagino que dê frutos
Pra ninguém nem pra mim sou exemplo
O meu é um puro sentimento de desejo e esquecimento
Cuspir fora o caroço
Pra massacrar o país com soja de exportação eles se mexem
Ou a eucaliptose bicho inútil
Não estou banalizando nem fazendo drama mas reconheço que tenho traços esquizóides
Sempre tive medo de perder-me em mim mesmo
Apesar do empenho de alguns companheiros os governos subestimam o poder das artes
O episódio do Gasômetro e o do Riocentro são coisa do pior terrorismo de Estado
Quem é esperto não joga
Friagem faz mal a velho
Não morrerei de miséria nem eu nem ela
Acho que o sol imprime um senso de vida nos alimentos
O problema é que ainda hoje os idiotas estão na primeira revolução industrial que é o vapor ou foi o tear
Quem está na chuva periga se gripar
E revogue-se a AP 470
O que há de intenção no que eu quero
Na minha época ouvia-se voz nas ruas
O problema de mulher é que só com uma já se está em minoria
Qualquer candidato promete o que vai fazer sem ver-se o que já fez
Se quiseres discutir o capitalismo predatório terás que fazê-lo no Congresso
Riofilme? Não sei se rio não sei se filmo
Gosto de pornografia não gosto de pornografia
Os primeiros também guerreavam entre si
Você pensou que eu não conseguiria
Com ela eu faço tudo
Com você não faço nada
Antes eu ouvia tenho idade para ser sua mãe agora eu digo tenho idade para ser seu avô
Eu não sou bonzinho
Há sempre algum intruso em nossas vidas
É minha culpa se querem usar meu corpo para seu próprio gozo

Comments are closed.