Magias

Sempre iremos indo
Seremos o que fomos
Quando gastar o gasto nada mais terei a gastar
Sôlta no ar a palavra vai com o vento
Amarrada não se aguenta
O pouco não o muito
Pra barrar o fascismo em todas as suas frentes vamos ter que trabalhar dobrado
Acabou o recreio
Na minha casa faz-se pão
Na minha casa mando brasa
Imagina se um financista privado quer atender à demanda publica?
Atacar o governo legitimo liderado pelo PT é coisa de covarde e golpista
Sò de ter as melhores gatas da comunidade dà para entender abraçar o crime
Se não concordo com o que penso então não concordo comigo mesmo?
Boa hora para uma gelada abrir
Se uma célula se divide em duas essas duas poderão se multiplicar ao infinito
O poder emana do povo e em seu nome serà exercido tà errado
Tem que ser o poder emana do povo e por ele serà exercido
Por que a burguesia ficou insatisfeita?
Não banquetearam-se à vontade?
A sociedade é uma pirâmide quem a sustenta sua base o povo não pode ser atacada
Por que não devo preocupar-me com o quadrado?
Porque então terei preocupação ao quadrado
A distancia é longa para vencê-la nos apressamos e cansamos
Se andarmos a passos mais lentos chegaremos à meta mais descansados
E aì dobramos a meta
Não entendo este paìs
Tivemos um vertiginoso progresso nos ùltimos anos
E incorporando milhões pela inclusão social
Um usuàrio de celular chega a ter três aparelhos alternadamente
E os de baixa renda além dos malabarismos dos crediàrios e dos expedientes extras manipulam cartões e senhas como ninguém
Mas a burguesia nacional nem se incomoda de ser assujeitada pelo estrangeiro
A bôlsa cai e o dòlar sobe
Aì o dolar compra ações a bolsa sobe o dolar cai
Dolar em queda prejudica a produção quebra

Comments are closed.