Pensares

Sobre o tudo
É difícil tolerar esses golpistas
Por que o supremo não cassa esse bandido
Porque é bandido também?
Há advir
Um filme de autor é um filme ao gosto de seu autor
Um filme é o seu modo de produção
Abaixo a matilha
A mídia enlouqueceu a destruir o país
Bozós e bozoas agora maquiados boçalizam geral
Não é possível que um só mané togado pare o país
Joga foro no lixo!
Melhor bebendo que brigando
Aproveita a maluquice pra que nada disto exista
Nenhum titulo de propriedade vale é tudo ilegal
O problema do Brasil é que neguinho acredita na basófia
Atocha a toga
Apenas nos autoritários certos indivíduos tem o poder autocrático sobre a vida alheia
A democracia nem é só ganhar no voto é oferecer oportunidades
A música é mais imediata o cinema é mais complicado
Veículos só devem ser usados para maiores distâncias
O meio massageia-se
A vida não é só o que nós gostamos
É o que os outros gostam também
Dever é um dever
Quando se fala da maravilha que é o capitalismo
Nem se imagina que é uma imensa fraude
Favorecendo a meia dúzia que explora a humanidade
Seria ótimo se fosse para todos
A isso se chama socialismo
Cultura não é o que é produzido
É o que se faz
É tudo o que o humano expressa
O desfiladeiro das almas perdidas regurgita de tantas notoriedades
A realidade é fruto de todos
Não nos damos conta que a desgraça de um país é a dominação estrangeira
Se quiser embarca senão desembarca
Não se dê força ao inimigo
Dê força ao amigo
O compadre da rua

Comments are closed.