Archive for novembro, 2019

Pioras

terça-feira, novembro 26th, 2019

O país da biomassa perdendo pro fóssil
Os da armada não são exemplos a serem seguidos
Na vida social não se mova uma palha sem a análise de conjuntura e da correlação de forças
O governo comemora a deflação?
E se prevê sucesso da economia com o aumento do pib porque não investe no salário mínimo para cada brasileiro mais consumir
Frente à dominação ideológica do cinema estrangeiro todo filme brasileiro é revolucionário
A pré-prisão na 2ª. entrância consagra a ditadura judiciária
O que fará o anti-petismo ante o PT?
O pior é o ilegítimo com o seu Delfim!
É preciso criar um governo no exílio
A direita até se separa mas não se divide
Um celerado a reboque de um fanático
O pior da humanidade é ser sempre dominada pela pior minoria que massacra a maioria
Um tchuca atrapalha muita gente dois tchuca atrapalha muito mais
Sou fã da língua pátria o brasilianês
A política não é um objeto do consumo popular
O problema é que a Ancine onerou a cessão
O consôlo é quando os mais velhos valem mais que os mais novos
A porca torce o rabo e o rabo torce a porca
Qual doido no congresso vai ser contra a presunção de inocência vai que …
Sem o “devido processo legal” todas as prisões são ilegais
Cuidado com os golpes gospel
O mal veio de fora
O mal maior o mal do mal
Certo que sempre deve ter havido o mal aqui
Será que é da humana natureza?
É comum haver rixas e disputas entre os próximos
Há até lutas e guerras
Geralmente é questão de terra
Primeiramente a dos ancestrais é sagrada
Mas há povos nômades há caçadores e pescadores e coletores e agricultores
Via de regra evitam-se é o melhor
Às vezes no entanto enfrentam-se
Há os que ganham e há os que perdem
Mesmo assim algum acordo há de haver ou se exterminariam mutuamente
As civilizações pré-colombianas foram capazes de feitos incríveis de engenharia e irrigação para sobreviverem
Destruídas pelo ataque insano de invasores vindos de outras remotas terras
As naus insensatas vêem surgir uma nova força no leme
Não é mais esquerda e direita é democratas contra milicianos
Que queres com ódio ou sem ódio?

Agudas

terça-feira, novembro 19th, 2019

Não adianta espelhar-se em outros povos e histórias igualmente conturbados
Na verdade temos um encontro marcado nas muito próximas eleições municipais
Não é recomendável queimar etapas quem se queima são os queimados
É preciso anular a fraude de 18 com os milhões de votos democráticos nas urnas
A história não é pessoal
Então o que acontece para que surjam sujeitos providenciais
Toda a questão é a ação
A alguém se reconhece o dom da liderança
A linha não é reta
Ainda não caiu a ficha?
Ao não captar a mensagem o capitão capotou
Que dia cantaremos adeus às tiranias
Não sei porque não se planta árvores frutíferas ruas afora
Somos todos iguais todos diferentes
A cortina se esfumaça
Que há pilantras no pedaço é mais que consabido
Agora sim Supremo vai com tudo
As sociedades são piramidais
A vida é uma pirâmide
Faço o pouco que posso
Cadê a República?
Previdência castrense aos comandantes o máximo aos comandados a matar e morrer o mínimo
Caçar o caçador
Se apologia à tortura não dá em nada imagina o AI-5
Golpe militar vai ter que convencer sargentos e praças a bancar a previdência milionária dos generais
E generais nem dão nem levam tiro
Causídicos anônimos fazem carreira nas tevês
Esse óleo vai até o polo
Prisões arbitrárias por juízes ávidos de estrelato não são toleráveis
A malévola platinada inventou um BBB do jurídico quem vai pro paredão?
O país refém do exibicionismo
A arte replica a vida
Faz perícia na perícia
Faz perícia na icterícia
Eu se me desculpo
Um ameaça o outro executa
Os sobrinhos e as sobras do capitão
O né nem
Não é “a democratização do acesso ao cinema brasileiro” e sim às salas de exibição em enorme maioria exibindo filmes estrangeiros e sem cumprir a lei do curta
E por que não “a democratização do acesso à educação no Brasil”?

Quedas

terça-feira, novembro 12th, 2019

Meio certo é também meio errado
Mais ou menos é também menos ou mais?
Cinema não se ensina aprende-se
A psiquêtrópica: o povo na real nem é drogado nem é sanguinário felizmente vai ter que ser no voto sem mortes nem feridos
Ninguém pode morrer
O povo brasileiro desde 1500 sempre se rebelou e foi trucidado
A rebelião moderna é no voto
Precisamos todos nos empenhar unidos em convencer o eleitorado
Não se grita na casa de ninguém
Scanners que reviram mares e florestas não dá pra emprestar unzinho só pra saber de onde vem o óleo?
Ou quem sabe um poço de petróleo brotou no oceano
Luz no horizonte aumenta a participação de voluntários no país
Os grandes combatentes não perdem o rumo da batalha
Só a platinada não sacou que a verdade está na oposição ao golpe
No lero-lero do Supremo o que mais assusta é o número incrível de aprisionados sem culpa formada
Isto é sem o famoso “devido processo legal”
Por que os nomeados pelo PT no Supremo encarniçam-se tão acirradamente em coonestar as fraudes da 1ª. entrância?
O que é grave é o judiciário deixar 1/3 dos aprisionados sem julgamento ou fraudado
E 1/3 por causa de drogas ilegalizadas e outro tanto por crimes não violentos
Sem dúvida crimes de violência merecem a segregação social mas não pode ser na base dessas “masmorras medievais”
Há que ter solução melhor para isso
Pior que o filho é o pai da pauta
Nem uma morte a mais
Ex-juiz é juex?
Nem é mais esquerda e direita é democracia ou golpe
Quando o povo-polícia se opõe ao povo-cidadão o pior se há de esperar
É contra os seus que dirige a repressão em nome dos interesses dos que não são os seus
Treinados adestrados como gladiadores da força bruta seu melhor é o que é pior pros outros
Algum mistério acontece é pra cumprir a ordem não se sabe bem o que ou bem a quem eles querem é atacar
E não percebem que é a vida de cada um deles que se auto-expõem
Para garantir o lucro de patrões locais ou mundiais a quem a vida de mais ninguém que não a deles interessa
A polícia os gendarmes os com armas são também pais de família
Vão deixar aí os filhos pra dar tiro ou levar tiro em bang-bang com os bandidos?
Atormentada a pátria mãe gentil exige um re-começo
Sem armas sem cadeias
Um pacto nacional contra a violência e pela paz
Não sejam buchas de canhão
Canhão tem culatra
E lá a direita foi eleita enquanto aqui foi fraude
O que já não era bom pode ainda ficar pior

Escusas

terça-feira, novembro 5th, 2019

Aqui se tolera gringo aqui se bajula gringo vai gostar de gringo assim no inferno
De cara todo mundo é diferente e de bunda ninguém é igual
Adormecendo de dia e de noite dormindo
O supremo tem que ser taxativo contra prisões arbitrárias
Ver como a coisa está para ver como será
Prêmio da Noruega melhor seria despoluir as nascentes por vocês poluídas no Amazonas
O habitante individual pouco pode fazer
Não só chorar sobre o óleo derramado
Militares não podem reprimir civis
Eles tem o monopólio consentido das armas
Quem terá descoberto que o betume dá samba
A verdade só alimenta a verdade
Na boa foi a Shell?
E pensar que o Alasca era russo e a Califórnia mexicana
O problema do cinema hegemônico nacional ou estrangeiro é que as premissas são erradas
O que não abona também não desabona
Pés-quisa é chute que como todos sabemos é o esporte preferido dos brasileiros
Uma coisa é a constituição uma outra é a prostituição
A questão não é ele eles é que são a questão
A opinião não é publica ela é privada da mídia golpista
Utopia não é sonho é projeto os sonhos também o são algo a construir-se
Amaciar as pessoas como as palavras amaciam
A cebola faz chorar mas é difícil sem ela temperar a gororoba
Evangélicos não são inimigos dizimistas são
Religião e política não devem misturar-se uma cuida do além e a outra do aquém
Tenho pena de quem tenta explicar o cinema mundial
Explicar o nacional já dá muito trabalho
Se tirar o g no meu pronome é o que sou
Adjetivos obnubilam os fatos
No capitalismo não há sentimentos é só o tilintar de moedas
Não se gosta de polícia porque a polícia é reinol
É tudo marombado e marombado inspira o terror
O pior é que tem dono e não é nenhum deles é o patrão burguês lacaio do imperialismo
Por consequência são eles o instrumento da dominação sobre os seus irmãos
E tem também ainda a federal
A que não se estorva por nenhum mandato
Não sei porque militares com longa carreira no serviço publico querem agora destruí-lo
Como se vê a fraude eleitoral em 18 não foi só no executivo mas também no legislativo
“Missão cumprida chefe”