Quedas

Meio certo é também meio errado
Mais ou menos é também menos ou mais?
Cinema não se ensina aprende-se
A psiquêtrópica: o povo na real nem é drogado nem é sanguinário felizmente vai ter que ser no voto sem mortes nem feridos
Ninguém pode morrer
O povo brasileiro desde 1500 sempre se rebelou e foi trucidado
A rebelião moderna é no voto
Precisamos todos nos empenhar unidos em convencer o eleitorado
Não se grita na casa de ninguém
Scanners que reviram mares e florestas não dá pra emprestar unzinho só pra saber de onde vem o óleo?
Ou quem sabe um poço de petróleo brotou no oceano
Luz no horizonte aumenta a participação de voluntários no país
Os grandes combatentes não perdem o rumo da batalha
Só a platinada não sacou que a verdade está na oposição ao golpe
No lero-lero do Supremo o que mais assusta é o número incrível de aprisionados sem culpa formada
Isto é sem o famoso “devido processo legal”
Por que os nomeados pelo PT no Supremo encarniçam-se tão acirradamente em coonestar as fraudes da 1ª. entrância?
O que é grave é o judiciário deixar 1/3 dos aprisionados sem julgamento ou fraudado
E 1/3 por causa de drogas ilegalizadas e outro tanto por crimes não violentos
Sem dúvida crimes de violência merecem a segregação social mas não pode ser na base dessas “masmorras medievais”
Há que ter solução melhor para isso
Pior que o filho é o pai da pauta
Nem uma morte a mais
Ex-juiz é juex?
Nem é mais esquerda e direita é democracia ou golpe
Quando o povo-polícia se opõe ao povo-cidadão o pior se há de esperar
É contra os seus que dirige a repressão em nome dos interesses dos que não são os seus
Treinados adestrados como gladiadores da força bruta seu melhor é o que é pior pros outros
Algum mistério acontece é pra cumprir a ordem não se sabe bem o que ou bem a quem eles querem é atacar
E não percebem que é a vida de cada um deles que se auto-expõem
Para garantir o lucro de patrões locais ou mundiais a quem a vida de mais ninguém que não a deles interessa
A polícia os gendarmes os com armas são também pais de família
Vão deixar aí os filhos pra dar tiro ou levar tiro em bang-bang com os bandidos?
Atormentada a pátria mãe gentil exige um re-começo
Sem armas sem cadeias
Um pacto nacional contra a violência e pela paz
Não sejam buchas de canhão
Canhão tem culatra
E lá a direita foi eleita enquanto aqui foi fraude
O que já não era bom pode ainda ficar pior

Comments are closed.