Pontes

julho 2nd, 2019

Bom é ser bem recebido no entorno de sua casa
Mas é claro que não é de graça
O ex é refém do cel do Dalla?
Confessada e comprovada a fraude até quando vão manter o velho prêso?
Por que a minoria burguesa domina a maioria que é o povo?
O nordeste devia recriar a sudene e desfederalizar-se
É preciso acabar com o estado-nação
Pela autodeterminação de cada povo em sua terra natal
Não existe imperialismo do bem imperialismo bonzinho
Se lhe der na telha ataca o Irã
Mas se periga perder a reeleição não ataca
O país não morre espera a praga passar e renasce mais forte
Um governo se avalia por suas ações concretas
E não por intrigas palacianas
E fraudes forjadas
Embora já sabidas finalmente se revelam a olhos vistos
Já houve capitães dignos
Toda atividade capitalista é comercial
No comércio é de praxe remunerar a compra e a venda
Ontem e hoje o imperialismo e seus lacaios locais
Se cada um fôr resolver seus problemas à bala isso aqui fica mais furado que queijo das suissas
Quanto mais tardar a justiça se enlameia
Quanto mais tardar mais vai se enlamear
Não se dê chance ao acaso
Realmente nos devem uma autocrítica como foram nomear essa gentalha?
Todo mundo é sempre único
Como mantê-lo prêso apesar da evidência da escandalosa farsa jurídica?
Nem o óbvio quanto mais nióbio
A polícia federal é uma força civil para-militar?
O flagelo do mundo é o culto à brutalidade
Os invasores acolhidos cordialmente pelos nativos respondem com a violência
A violência com a supremacia das armas permite a minorias dominarem as maiorias
E aí reside o drama da humanidade
Poucos exploram muitos
Porque tudo é pirâmide
Talvez aprendeu-se a caçar
Mas não se aprendeu a ser caçado
O ensino não é para aprender o ensinado
É para ensinar a aprender
A vida é perpétua até mais não ser

Travas

março 5th, 2019

O problema com os ais é que são em geral ainda mais de pijama
Se os militares não querem os políticos não querem os jurídicos não querem os trabalhadores não querem quem são os idiotas que querem essa deforma da previdência
Não é possível que um só maluco tenha o poder de nos ameaçar a todos
Será que os generais que cumpriram sua missão ao longo de suas vidas irão agora velhos acobertar essas máfias de doleiros e milicianos no poder?
Quem são os senadores e deputados que vão fraudar as votações no congresso?
Quem mandou deixar o imperialismo nazista invadir a Polônia
Quem mandou deixar o imperialismo belga massacrar o Congo
Vão esperar que a Gestapo invada suas casas
No que pensaram que daria o casamento das ícias com os ostais
Mais que nunca #LulaLivre! Pra recomeçar de novo
E o caos aumenta o caldo
Pés na cova
Pra quem queria finalmente chegou a anarquia
Só ficaram as barragens e as crateras os minérios se foram
Tantos brasileiros nem pensam em política
Acham que é torcida de igreja futebol ou carnaval
Os que pensam dela se aproveitam para o bem ou para o mal
Esse é um país de faz de conta vamos ganhar o prejuízo no poder
Mais que entendo como a condição do brasileiro é cordial
Não é o confronto é o acordo
Não é a guerra é a paz
Tô nem aí o meu barato é estar aqui
É difícil viver livremente
Impossível?
Via de regra o militar obedece a quem ele reconhece a hierarquia
Deixaram os nazistas invadir a Europa depois num reclama
Ao que se vê nas ruas e nos campos quem precisa de ajuda humanitária é o brasileiro
Grupo de lima laranja e limão
140 anos depois da última guerra em um mês o idiota resolveu começar uma
Brasileiro vai ser bucha de canhão da CIA?
Capitão já é bondade o cara é um demente alucinado
Os idiotas agregam-se por natureza
Os não idiotas fácilmente desagregam-se
Caraca! Tem neguinho devastando a mata da chacrinha que é área militar será que é treino?
Não conseguiu explodir o Guandu e quer explodir o país
Autoproclamado? Que qué isso?
Será que vou passar o resto da vida a protestar contra o que se passa em Brasília?
Brasileiro reclamando dos militares em zuela
Tá de sacanagem?
Macaco olha o teu rabo

Trastes

fevereiro 26th, 2019

E o agro hem? Perdeu carne perdeu frango e quase perdeu o leite
À parte o resto o vice é índio?
Por que não assume como sua a questão indígena?
Acho que devia assumir a defesa dos parentes
E deixar o resto com os manés da bolsa
Precisamos trazê-lo para o nosso lado
O golpe de 64 convocado pela direita política foi assumido pelo estado maior
Virando o que virou uma perseguição dantesca pela milícia do estado
E isto vai repetir-se?
Os de agora apesar da fraude chegaram pelo voto
Irão submeter-se ao comando das milícias no poder?
O Brasil é uma piada desde candidato o impostor “eleito” governa no leito
A melhor medalha é a memória
O melhor não afrontou a elite nem precisava porque promoveu o povo
É preciso dar consciência a quem não tem
Por que o atual “governo” tanto se empenha na previdência do impostor passado
Espíritos guerreiros precisam acautelar-se
Principalmente se a maré não é piscosa
A contribuição dos anos 60 o sexo sem barreiras veladamente exercido desde o início dos tempos
Autores retratam seu tempo e não suas preferências
Há que entendê-los ou somos melhores que eles?
De onde vieram os invasores na América do Norte vieram de um cisma protestante na metrópole
De onde vem o cisma evangélico que se quer impor à nossa terra
Não é só o que se perde é o que se deixa de ganhar
Demita-se o sofá
Não hesitem exilem-se
Estão a nos roubar um país
Descer é fácil o difícil é subir
O que significa o olhar condescendente com que olho o bêbado da esquina
Não sou cúmplice da miséria humana
E nem a hostilizo nessa triste comédia em que estamos metidos
A coisa subiu à cabeça
Não houve eleições houve ilações do futuro ministro
Sou muito atento às pedras
Quem sabe não viemos grudados nelas
A vida inteira protegidos pelo poder civil ao envelhecer querem tomá-lo de assalto
Um aro chateia muita gente e quatro chateiam muito mais
E é assim porque sempre foi?
A quantidade de riquezas exportadas faria de cada brasileiro um milionário
E haja acordo pra manter em ordem a desordem

Centavos

fevereiro 19th, 2019

O país sofreu o sequestro do estado pelo imperialismo
Convivi com centenas de jovens como estudante e como professor não me lembro de nenhum bandido
Alguns são pra mim um mistério de como se tornaram
Apareceu fantoche de tudo que é estrebaria
E o senado hem?! e o filho do “presidente” hem?!
E venceu o candidato do voto aberto pelo filho do “presidente” no inicio da segunda votação
Já que a primeira foi fraudada por qual senador?
Cada pessoa é fruto do seu lugar e de sua hora
De onde veio essa chusma de anônimos no país
Engordando os baixos cleros
O mal do país é o personalismo
Se és azul sou rosa se és rosa sou azul
Quem lava dinheiro a jato é o doleiro
A mando do sinistro rábula
E quem leva é o mala
Antes de meio mandato é direta de novo
Os tamanhos se perdem
Repito o que aprendi
Só pode ser piada diz que tem um seriado aí em que os mortos andam
Nem precisa Nobel #LulaLivre!
Prefiro a ONU e o Supremo
Não há porque isentá-los de suas obrigações
A década a cadência a decadência
Considerando que a vaca foi pro brejo melhor é irmos todos também
Seja por que for o país desinteressou-se de sua representação política
E aí surgiu essa legião de idiotas a assaltar o poder
Sobreviverá o país da bravata?
Um humanista não pode aceitar que ninguém se mantenha pela força
A única alternativa é #LulaLivre! O resto é golpe
A direita precisa entender que precisa negociar a libertação
O supremo precisa reunir e anular os processos e as condenações
A questão nem é se antes era melhor
A questão é que agora é muito pior
O que acontece quando se perde a conta
Infringindo os limites da decência
No respeito ao próximo
Aonde essa bagaça de país vai dar
Sabemos que a história não é a dos países mas a dos povos
O que acontece quando se autoriza a violência?
A morte

Perigos

fevereiro 12th, 2019

Pra bom meia é bosta
Jornalismo se apertar pinga sangue
Para embaçar o populismo de direita é preciso um populismo de esquerda
Neste verão suco de laranja com muito gelo
As minhas limitações prosperam com denodo
Não foi só o oro e os ares que elegeram os aros mas também as ícias e os ostais
E tudo escondido até depois das eleições fraudadas
Anula as eleições dos eleitos pelas milícias no executivo federal nos estaduais e nos legislativos
Diretas já
Por que os militares do bem não dão um golpe e convocam eleições diretas livres e gerais com constituinte e tudo como em 45?
Vão aceitar ser comandados pela milícia?
Vai-se um aro e ficam três?
Um dos problemas da democracia é a tibieza de suas necessárias lideranças
O imperialismo é um inimigo comum a todos os povos da terra
Guerra é o maior flagelo que pode acometer uma sociedade
Só descobriram os milicianos depois de fraudada a eleição a seu favor
A súbita e devastadora rebelião dos baixos cleros em todas as partes do país
Tragédias infelizmente são um alerta para as próximas
O Brasil tem que rever seu modelo de desenvolvimento industrial
O Brasil tem que rever seu modelo de economia de exportação
O Brasil tem que rever seu modelo de crescimento predatório
O espírito de alguém é sua consciência
É o que crê
Como ser do bem e tolerar o mal
É preciso suspender todas as atividades que ameacem as populações
É preciso impedir que a economia do país sirva a interesses estrangeiros
É preciso vetar a propriedade privada de nossos recursos naturais
Pode uma só pessoa e por decreto autorizar a posse de armas?
Não sei que bem podem fazer as armas
Ou por que a maioria se submete à minoria
O autor exige que o leitor o acompanhe
Pela mágica das palavras
Estáveis são instáveis
A Europa fustiga as Américas desde as invasões quinhentistas
O que tem de pior foi trazido pelos invasores
Civil não serve pra militar e militar não serve pra civil
O país não é o que sua elite pensa ou faz
O país é de quem vive e sobrevive nele
Desde a primeira invasão portuguesa em 1500 o país é assolado por massacres e violências incontáveis
E se fossem os invasores menos maus seria melhor?

Lutas

fevereiro 5th, 2019

Já que é um declarado sequestro político o que querem os sequestradores pela liberdade do sequestrado?
Vamu lá já não estão numa boa já não se deram bem?
Em ditaduras quem manda prender manda soltar
Demorô?
Os do judiciário tem que ser eleitos sem partidos pelo sufrágio universal e mandatos de 4 anos como os demais poderes da república
Deporta exila proíbe de pisar o território nacional
Bota como refugiado da ONU
Faz como o comitê central manda a direção pra fora do país
Pena que não fizeram com todos não teriam passado o que passaram
Em guerra não se discute
Se alguém acha que vai vencer o imperialismo no grito é porque não se lembra da 5ª. Frota que avançou sobre o Brasil em 64
Se a bravata venceu fraudando as eleições bravatemos também nós
E vençamos as eleições municipais em todo o país
Unidade ou Morte
Se não conseguem se entender na derrota como farão para alcançar a vitória
E o candidato unitário da esquerda deve ser o que já teve mais votos anteriormente
Militar que se preza não ofende seus ex-comandantes em chefe que inclusive lhes apuseram as estrelas de que tanto se vangloriam
E deixa de bobagem quem gosta de estrela é militar
Deixa os idiotas reinarem talvez assim será possível comerem-se
Quando se sabe o que fazer se faz
Quando não se sabe se pensa
Neguinho explodiu o Riocentro felizmente nas próprias coxas
O outro queria explodir o Gasômetro
E agora o idiota quis explodir a Cedae
Ninguém está acima de uma frente unitária de esquerda
Quem teve a maldita idéia de botar soldado brasileiro pra morrer na Venezuela isto é um atentado à segurança nacional
Avisa lá que um dos maiores terroristas da história é venezuelano
Um juiz qualquer que não é eleito pode a seu critério tirar do cargo um governante eleito?
A coisa aqui anda tão torta que até golpe municipal tá valendo
A frente de esquerda precisa primeiramente libertar o Lula
Delação premiada é chantagem jurídica
Só serve para falsear e extorquir as informações desejadas pelo acusador
Tudo que estes babacas tão fazendo dá pra reverter menos as vidas é claro
Doleiros delatores corruptos venais todos em casa contando seus metais
Proibir o deles não pode mas proibir os nossos pode
O problema do poder no Brasil é que se contenta com migalhas
Se a esquerda não se resolver vem aí o flagelo do Senhor
Cuidado que ele é de vir mais cedo
Ninguém deve sair de onde nasceu
Antes de metade do mandato é direta de novo

Folgas

janeiro 29th, 2019

E vem carná
Quero brincá
De cortesão ou cortesã
De côr de rosa ou côr de azul
Ou de rei momo ou pé no chão
Farreia até o sol raiá
O desenvolvimento pode ser útil mas o desenvolvimentismo é uma desgraça
Não poderíamos os 210 milhões vivermos nos 8 milhões e meio de kms quadrados em harmonia?
Daria uns 26 km por cabeça
Por que não imaginar o país assim constituído
Cada brasileiro tem direito ao usufruto de 26 km2 do território nacional
E não mais que isso
Mas podem se associar em cooperativas por exemplo
Acho que espraiamos o legado dos anos sessenta
Embora se tolerarmos a fraude
Acabamos cúmplices do genocídio
O neoliberalismo atormenta o mundo
E aí vem um mal parido a querer impor isso na marra
Não sei qual a lógica do destino
Deve ter ou será que não tem?
Cada geração tem que dar conta da sua encrenca
Não pode pegar carona na da outra
O caminho de ida não serve para a volta
Eu lavo tu lavas ele suja
A vida não tem estribeira cada um faz a sua besteira
Disse o mico vais micar
O relâmpago relampeja sem parar
Há pedras no caminho
Mas já foi pior muito pior
Torço apenas pra que não piore
A melhor hipótese é uma frente de esquerda de todas as áreas sem bobagens para botar a direita nos seus 10% de presença
A esquerda do bem contra a direita do mal
A vida contra a morte
O livro contra a bala
É como no futebol
O negócio é fazer gol no adversário e nisto o Brasil é bom
E aí tem uma risca no centro do campo eles lá e nós cá
Todo mundo tem o direito de escolher o time em que quer jogar na final do campeonato ainda mal começou o primeiro turno
O chato é que o nosso campeão é refém deles
Tarefa primeira: resgatar a quem eles sequestraram

Tiros

janeiro 22nd, 2019

Se eu falar de quem o aro
Se eu falar de quem o ão
Tiro a graça da canção
Ora o oro
Ora ora
Seu castigo não demora
Chega o cara
Chuta o balde
Eis o cume da maldade
Antes fosse
Antes sêsse
Não há fim que não comece
Dá um tiro
Um tiro lá
A tirolesa vai cantá
Eu tiro o lei ei ti
A marca que eu marquei
Ninguém vai desmarcar
Ouvi um alvoroço
Nas ondas lá do mar
É fogo ou desafogo
É gente a se afogar
Se fôr do bem socorro
Se fôr do mal se afogue
Quem faz mal com mal se pague
Quem bem faz não há pagar
O costume faz ladrão
Não é bom se acostumar
Minha terra sem palmeiras
Sabiá não vai cantar
Se soubesse quando o mundo
Vai enfim se aprumar
Cantaria um dó de peito
Cantaria o virundá
Mas se não vier o prumo
E se o prumo não aprumar
A quem pedirei que nos salve
Quem poderá nos salvar
O salvador que nos salve
Antes vai ter que salvar-se

Tontas

janeiro 14th, 2019

E alcoolmunista pode?
É inacreditável que se aceite a eleição última como legítima
Com as confessadas declarações de intervenção do judiciário do legislativo e das armadas para impedir o favorito
Se isto não é uma ditadura é o quê?
Vivê-la é quanto custa a vida
Sem tirar nem pôr
Boatos e crendices se espalham feito mato
A sociedade industrial traz em seu bojo uma armadilha
Precisa instaurar o consumo de massa como se fosse um desejo social
A pressão social induz a população a práticas de massa
Ninguém quer ser pior que ninguém
Mas ninguém pode ser melhor que ninguém
Na falta do que dizer procura-se repetir certezas
O que eu não sei não me faz falta
O que eu procuro não me acha
Não me sinto bem catando sonhos
Vá lá a direita porra louca venceu mas pra que manter o velho na prisão?
E o que fazem as poetas?
Torcem-se com as imagens
Para expressar seu âmago
Por alguma causa ou causa alguma
O que faz bem não faz mal
Né por nada não mas os milhares de militares honestos em todo o país que cumprem missões às vezes de alto risco se identificam por acaso com esse renegado capitão maluco que quer jogar o exército contra o povo?
Expulso do exército sentou praça na politicagem
Sonhei que era tudo um pesadelo
Acordei do sonho mas não do pesadelo
Será o Benedito? Nesta terra só se fala do que é estrangeiro depois não se entende como o imperialismo vence fácil
Tento estar atento
Às vezes nem sempre consigo
Tiro ao aro
Se tirar o aro do bolso
Ou tirar do bolso o aro
Se tirar o ão do ouro
Ou tirar o ouro do ão
Novos ares haverá
Ou ares novos haverão
Dá uns tiro nisso aí!
O pessoal tão dizendo que o micto tá com medo do avião pras suissa
O ogro ora?
A quem ora?

Nêsgas

janeiro 8th, 2019

Recuso generalizar
Tem gente boa e má em todo canto
Triste é quando os do bem são suplantados pelos do mal
Pra que empresário?
Sou pela autogestão cooperativada dos meios de produção
Meu avô paterno era chefe eletricista operário na mina de Morro Velho em Nova Lima
Meu avô materno era almoxarife na Central do Brasil e gostava muito de cinema
Não tem que dizer sim tem que dizer não
Faço o que todo mundo faz
Reclamo e esperneio em vão
O impostor imposta
Que graça tem sua vitória se você sabe que foi fraude
A solução não é repressão a mais
E agora com vocês o súcialismo
Eles gostam é da privada
Todos somos como as plantas veias raízes
Tropa é coletivo do que mesmo?
E o lilás?
O problema dos mais jovens é que não nos prestam reverência
O poder engana as gentes
Quem se acha de esquerda precisa é tirar o velho de lá depois se vê o resto
Mudanças mudanças
Nem é preciso tanta mudança
Basta fazer render melhor o que já é
Quero acreditar na evolução da espécie
Infelizmente não é pra todos
Primeiro há que sobreviver
E sobrevivem os mais fortes
Ou os mais adaptados
Pra que serve o pensamento
É privilégio do humano?
É para domar a natureza?
É para ordenar o instinto?
Todo ser humano pensa
Em prol de sua própria sobrevivência
Não se pode pensar pelos outros
Mas não se pode sobreviver sozinho
Na corrida pela vida uns acabam atropelando os outros
Fazer o quê?
Não matarás