Posts Tagged ‘ culturadigitalbr

Mobilizações e Políticas Públicas para Cultura Digital: Articulações Catarinenses

Proposta de apresentação do Pontão Ganesha de Cultura Digital inscrita no Festival Cultura Digital:

A primeira década deste século está sendo marcada pela substituição dos sistemas analógicos por sistemas digitais de registro, transferência e depósito de produtos e bens culturais no formato de textos, sons e imagens. Este processo de expressão e transmissão de conhecimento mediado por dispositivos digitais – chamado Cultura Digital – exige políticas públicas específicas, pois transpassa, cada vez mais, todas as camadas e segmentos sociais.

A sociedade brasileira vem reafirmando a necessidade de tais políticas em encontros como os Fóruns da Cultura Digital e as Conferências de Cultura (iniciativas impulsionadas nas últimas gestões do Ministério da Cultura – MinC). A atuação dos Pontões de Cultura Digital, por exemplo, deram uma visibilidade estratégica para a Cultura Digital, condição fundamental para a inclusão da área em políticas públicas nos âmbitos federais, estaduais e municipais.

Esta proposta de apresentação trata do relato e análise da inclusão da Cultura Digital na pauta das políticas públicas para a cultura no Estado de Santa Catarina, através da ocupação de espaços institucionais, como a participação nos conselhos de cultura e em editais públicos.

Atuando em quatro eixos (digitalização de acervos, aumento da presença e visibilidade da cultura catarinense na web e formação e articulação política), o coletivo da Alquimídia.org tem colaborado com a ramificação de conceitos e demandas tratadas nos Fóruns da Cultura Digital em Santa Catarina.

TÓPICOS

Rede Cultura Viva de Santa Catarina

O blog coletivo da Rede Cultura Viva de Santa Catarina é uma plataforma de agregação e difusão das atividades dos Pontos e Pontões de Cultura presentes no Estado, além de um fórum de discussão online por meio dos posts e comentários. Atualmente em versão beta, o blog é um tema P2 do WordPress (software livre), adaptado e mantido pelo Pontão Ganesha de Cultura Digital, em parceria com o Pontão da UFSC e apoio do Ministério da Cultura e Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL). No processo de efetivação da Rede, cada Ponto recebeu um loguin e treinamento do Pontão Ganesha, que, em conjunto com a SOL, realizou visitas por todo o estado. O conteúdo do blog é licenciado em Creative Commons.  Site: http://cultura.sc/pontos/

MASC Virtual

O MASC Virtual é uma proposta de desenvolvimento do portal oficial do Museu de Arte de Santa Catarina, com áreas interativas e animadas que simulam uma visita real a todo o acervo do museu. O projeto proporcionou, também, a digitalização e compartilhamento na internet de mais de 500 imagens do acervo do Museu. Site: http://masc.org.br

Mobilização, articulação e política

O Pontão Ganesha participou ativamente tanto da cobertura das atividades culturais de Santa Catarina quanto das articulações para a inclusão da Cultura Digital na agenda pública do Estado.


Os frutos destas articulações desenvolvidas em conjunto com outros coletivos das sociedade civil estão prestes a se concretizar. O primeiro deles é a criação de um Edital Municipal de Cultura Digital em Florianópolis. O Conselho Municipal de Políticas Culturais de Florianópolis – CMPC, desenvolveu uma série de editais púbicos direcionados a várias áreas da cultura e artes, como a dança, teatro e a cultura popular. Os recursos para a viabilização desta iniciativa são provenientes do Fundo Municipal de Cultura de Florianópolis.

Mesmo não tendo – ainda – conselheiros específicos na área, o CMPC decidiu contemplar, também, a Cultura Digital. Após algumas reuniões e debates sobre o tema, a comissão de redação dos editais, em parceria com ativistas e produtores da área, chegou a uma proposta final do texto para o primeiro Edital Cultura Digital de Florianópolis.
O texto, disponível na internet para contribuições, prevê uma premiação de R$ 120.000,00 (cento e vinte mil reais), distribuídos em categorias como a Difusão Cultural, Desenvolvimento de Softwares Livres para Cultura, Formação e Arte Digital. A Cultura Digital também foi contemplada em outra premiação do fundo: A Digitalização de Acervos, incluída no Edital de Patrimônio.

Outra articulação importante de inclusão da Cultura Digital na agenda do Estado foi a proposição do uso das Licenças Creative Commons no Edital estadual Prêmio Elisabete Anderle, colocado em consulta pública pela SOL em agosto de 2011, bem como a inclusão da categoria Cultura Digital.

Site: http://cultura.sc/politica

Apoie esta proposta: http://bit.ly/ApoieCulturaDigitalSC

Agosto Digital

O mês de agosto de 2011 é marcado por uma série de eventos e acontecimentos importantes para a Cultura Digital brasileira.

O primeiro evento foi a participação do autor e professor Pierre Lévy no ciclo USP 2.0 no dia 18. O professor tratou do tema “a aprendizagem no contexto das Redes Digitais”. Os posts enviados direto do evento estão neste link.

No dia 23, foi anunciado pelo Ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, que o texto do projeto do marco civil da internet foi aprovado pela presidente Dilma Rousseff. O projeto deve ser enviado pelo governo ao Congresso na próxima semana. O Marco Civil da Internet definirá os direitos e deveres dos usuários e empresas na rede.

No dia 24 de agosto acontecem três eventos relevantes para a web brasileira. Todos transmitidos ao vivo:

Desde as oito acontece um seminário na Câmara dos Deputados em Brasília para debater a PL 84/99 (Projeto Azeredo) ou, como os ativistas da Cultura Digital conhecem, o AI5 Digital. A transmissão e gravação podem se acessadas no endereço eletrônico http://edemocracia.camara.gov.br/web/seguranca-da-internet.

Também na capital do país, acontece o ato contra o AI5 Digital. Marcado para às 13h na rampa do Congresso Nacional, o evento é realizado pela Avaaz, IDEC e movimento Mega Não. O objetivo é formalizar a entrega da petição da Avaaz com 170 mil assinaturas contra a PL 84/99. Após o ato, será realizada uma blogagem coletiva para dar continuidade ao protesto na rede.

Em São Paulo, a partir das 19 horas no Auditório Ibirapuera, Lawrence Lessig, Ronaldo Lemos, Gilberto Gil, Danilo Miranda, Claudio Prado, Sérgio Amadeu e Ivana Bentes reúnem-se para discutir o futuro da música no seminário Música: A Fronteira do Futuro – Criatividade, Tecnologia e Políticas Públicas. Transmissão: http://www.vocsmultimidia.com.br/clientes/auditorioibirapuera. Os posts enviados direto do evento estão neste link.

O dia 24 de agosto é também o início do Seminário Revolução 2.0: Da crise do capitalismo global à constituição do comum. O evento acontece no Rio de Janeiro até o dia 26 e conta com a participação de vários ativistas e pesquisadores da Cultura Digital, entre eles: Clóvis Lima, Sarita Albagli, Giuseppe Cocco, Raul Sanchez, Ivana Bentes e Barbara Szaniecki. Transmissão: http://itv.cbpf.br/index.asp?pgn=3

Dia 25, às 19h30min, Pierre Lévy e Gilberto Gil debaterão “O poder da palavra na cibercultura” no OI Futuro (RJ). Transmissão: http://www.oifuturo.org.br

E viva o streaming!

Ciberativismo no último dia da Consulta Pública para Revisão Lei de Direitos Autorais

Segundo informações divulgadas na rede (em listas de e-mails, twitter, etc) setores contrários a reforma da Lei de Direito Autoral no Brasil empregaram pessoas para discordar sistematicamente da proposta em Consulta Pública na Web.

A equipe do GEDAI está enviando as colaborações tanto coletivamente quanto individualmente.

Esta iniciativa é uma boa idéia para todos aqueles que concordam com a atualização da LDA e não querem que o debate seja manipulado estatisticamente por minorias corporativas…

Participe:
www.cultura.gov.br/consultadireitoautoral/consulta

Para saber mais:
http://consultalda.thacker.com.br/?page_id=69

http://reformadireitoautoral.org.br/lda/

 
Pular para a barra de ferramentas